Exame Ocular na Volta às Aulas

Exame Ocular na Volta às Aulas

Exame ocular na volta às aulas é um cuidado fundamental com nossos filhos.

Com o início do ano letivo, muitos pais se preocupam com a escolha da melhor escola, a qualidade do currículo, a compra do material, mas por muitas vezes um ponto extremamente importante acaba ficando de lado, a acuidade visual da criança.

A realização de exames oftalmológicos em crianças em idade escolar é fundamental para garantir a qualidade do aprendizado. Não é incomum o relato de crianças dispersas, que se distraem facilmente e que apresentam dificuldades no aprendizado.

Quando isso acontece é comum a busca por auxílio médico, frequentemente um neurologista por conta de suspeita de transtorno de déficit de aprendizagem por hiperatividades, entretanto, se seu filho apresenta dificuldades na rotina escolar, vale a pena a realização de exames oftalmológicos para a determinação de sua acuidade visual.

Sinais de dificuldade visual em crianças

O primeiro fator a ser considerado é o histórico familiar. Existem fatores genéticos, muitos ainda não conhecidos pela ciência, que podem facilitar o desenvolvimento de problemas visuais em crianças, por isso se pergunte: sua família próxima tem casos de problemas de visão na infância? Se sim, fique atento.

Não é incomum que crianças com dificuldades de visão tenham “preguiça” de ler. A “preguiça” é normalmente a avaliação de um adulto perante a atitude de recusa da criança em se engajar na leitura, especialmente porque muitas vezes a criança não tem consciência do que pode estar acontecendo e se sente envergonhada com sua dificuldade.

Quem nunca observou uma criança escrevendo com a cabeça deitada ao lado do caderno? Isso pode parecer desleixo ou falta de interesse, mas pode ser dificuldade de leitura.

Dores de cabeça frequentes também podem ser um indicativo de esforço visual, assim como sentar-se muito próximo à TV e ler com o auxílio dos dedos para apontar o texto, ou seja, qualquer variação do que o senso comum considera normal para a visão, vale a pena ser investigado junto ao oftalmologista.

Quais os exames recomendados para crianças?

Um estudo brasileiro (DOI:10.1097/OPX.0b013e31828197fd) aponta que aproximadamente 90% dos casos de deficiências visuais em crianças se deve a problemas refrativos, ou seja, são quase sempre casos simples de se resolver com o uso de óculos.

Por isso, os exames mais comumente realizados são os refrativos, com os quais podemos identificar problemas como miopia, astigmatismo e hipermetropia, sendo que miopia e hipermetropia são as alterações refrativas mais comuns em crianças em idade escolar.

Esses exames são indolores, rápidos, seguros e não necessitam de qualquer preparação prévia para sua realização. São realizados em consultório e o resultado é dado durante a consulta

Seu filho tem dados sinais de que pode estar com problemas visuais?

Não espere até as aulas recomeçarem. Clique aqui e agende uma consulta.

Fale conosco